Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre

Vila Autódromo

A Vila Autódromo teve sua origem nos anos 60, como uma colônia de pescadores que se estabeleceu às margens da Lagoa de Jacarepaguá. Na década seguinte, a população cresceu e se diversificou com o período de construção das grandes obras na região, como o Riocentro e o Autódromo de Jacarepaguá – que inspirou o nome da comunidade.

A partir dos anos 90, a comunidade passou a conviver com a ameaça constante de ser removida devido a sua posição geográfica, alvo constante da especulação imobiliária.

Quando o Rio de Janeiro foi eleito para sediar as Olimpíadas de 2016, o fantasma da remoção apareceu novamente. O plano da Prefeitura previa demolir o antigo autódromo de Jacarepaguá para construir o Parque Olímpico, uma série de obras públicas em seu entorno e a remoção completa da Vila Autódromo, sem qualquer diálogo ou consulta anterior aos moradores.

A permanência das 20 famílias é uma “vitória da resistência”, dizem movimentos sociais e os próprios moradores. Os moradores alegam que as negociações sempre foram injustas, que sofreram pressão psicológica e intimidação de agentes da própria prefeitura.

Em 2016, após diversas situações de constrangimento a poucos meses do evento, o Prefeito Eduardo Paes anunciou a urbanização da comunidade através da construção de 20 novas casas e demolindo as remanescentes. Apesar das novas construções representarem apenas 3% do que já foi a Vila Autódromo, é imprescindível ratificar a importância dessa conquista, tendo em vista que esta comunidade conseguiu permanecer em seu território diante das repetidas tentativas de remoção – principalmente após um megaevento como as Olimpíadas.

Obras do Parque Olímpico ao lado dos escombros das casas destruídas pela prefeitura na Vila Autódromo — Foto: Rafael Daguerre
Obras do Parque Olímpico ao lado dos escombros das casas destruídas pela prefeitura na Vila Autódromo — Foto: Rafael Daguerre
Pichações simbolizam a resistência dos moradores da Vila Autódromo, 12/12/2015 — Foto: Rafael Daguerre
Pichações simbolizam a resistência dos moradores da Vila Autódromo, 12/12/2015 — Foto: Rafael Daguerre
Pichações simbolizam a resistência dos moradores da Vila Autódromo, 12/12/2015 — Foto: Rafael Daguerre
Pichações simbolizam a resistência dos moradores da Vila Autódromo, 12/12/2015 — Foto: Rafael Daguerre
Pichações simbolizam a resistência dos moradores da Vila Autódromo, dezembro de 2015 — Foto: Rafael Daguerre
Pichações simbolizam a resistência dos moradores da Vila Autódromo, dezembro de 2015 — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, dezembro de 2015 — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, dezembro de 2015 — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Obras do Parque Olímpico ao lado da Vila Autódromo, dezembro de 2015 — Foto: Rafael Daguerre
Obras do Parque Olímpico ao lado da Vila Autódromo, dezembro de 2015 — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, dezembro de 2015 - Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, dezembro de 2015 - Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo contrastam com os gigantescos empreendimentos para as Olimpíadas — Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, 12 de dez.2015 - Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, 12 de dez.2015 - Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, dezembro de 2015 - Foto: Rafael Daguerre
Casas destruídas pela prefeitura do Rio na Vila Autódromo, dezembro de 2015 - Foto: Rafael Daguerre